QUEM É SORÂNGELA MARIA DE SOUZA

A trajetória de Sorângela está profundamente ligada ao Sistema Único de Saúde. É pelo SUS que ela arregaça as mangas e parte para a luta. ColetivAmente. Aos 57 anos, essa belorizontina, mãe de Guilherme e Arthur e avó do Francisco, moradora do Sagrada Família, na zona leste da capital, se graduou pela PUC-MG. Fez especialização em Saúde Pública e Saúde da Família pela UFMG e MBA em Auditoria da Qualidade de Serviços de Saúde pela UNA. Atualmente, está cursando Medicina Chinesa, com especialização em acupuntura.

Estrada é que não falta para Sorângela. Ela iniciou vida profissional em 1981 como atendente de enfermagem, depois cursou o técnico de Enfermagem e, finalmente, se formou em Enfermagem Geral e Obstétrica. Sorângela trabalhou por quase 20 anos na rede FHEMIG (Hospital João XXIII e Hospital Alberto Cavalcanti) e ex-INAMPS (PAM Campos Sales).

Por sua atuação e participação em piquetes de greve durante o governo de Newton Cardoso, Sorângela foi demitida da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais – FHEMIG. No início dos anos 1990, atuou em Caeté, na Região Metropolitana de BH. Lá, atuou como coordenadora de Enfermagem, docente em curso formação de Enfermagem. Assumiu como secretária municipal de Saúde com a tarefa de implantação da estratégia de Saúde da Família no município e Conselho de Saúde. Implementou o serviço de saúde mental, ambulatório de especialidades e serviço de controle e avaliação.De volta a Belo Horizonte, atuou no Hospital Risoleta Neves.

Como enfermeira da rede municipal de saúde de Belo Horizonte, Sorângela atuou em diversos Centros de Saúde. Sempre na militância, integrou a Comissão de Promoção e Igualdade Racial da Prefeitura de BH.

Ao lado de seu atual companheiro, Dimitrios, nossa aguerrida Sorângela, adora fazer traking, viajar e ler.